IDES promove o 2ª ano do Apender em Parceria para professores de escolas públicas

IDES promove o 2ª ano do Apender em Parceria para professores de escolas públicas

IDES promove o 2ª ano do Apender em Parceria para professores de escolas públicas

Integrar as novas tecnologias à sala de aula ainda é pouco frequente e foge da realidade de várias escolas públicas, sendo um desafio para docentes do Baixo Sul da Bahia. Dessa forma, em alguns casos, gestores de escolas públicas ainda se sentem inseguros e despreparados para usar a tecnologia como um braço da educação, porém, muitos educadores já perceberam a importância dessas ferramentas e procuram levar novidades para a sala de aula.
Buscando apoiar os professores neste desafio de buscar uma educação de qualidade, no dia 31 de outubro, na Construir Melhor, em Valença, o IDES, em parceria com a MSTECH, deu inicio ao Curso Aprender em Parceria, objetivando a formação de professores multiplicadores de conhecimento tecnológico em sala de aula, para agregar a tecnologia na metodologia escolar, buscando mais integração entre alunos e educadores, com foco na agregação de conhecimento no ambiente escolar.
O primeiro momento do curso foi ministrado por Ana Paula, consultora da MSTECH, que trouxe experiências de projetos que deram certo em São Paulo e em outros estados, para que os professores pudessem lê-los e discutissem com uma visão de usá-los como um modelo de incentivo e para que, com a integração dos docentes da escola, seja elaborada uma proposta de planejamento para contribuir na formação acadêmica dos jovens. Além desta, foram apresentados ferramentas educacionais da Microsoft como: PowerPoint, Excel, Word entre outros programas capazes de dinamizar e colaborar com a prática de docência escolar. Foi também explicado para os professores as redes sociais e sites que podem contribuir a favor da educação como: Facebook (onde pode se criar grupos de estudos), Skype (para vídeos conferências em tempo real, entre alunos e professores), Youtube (com visualização de vídeos educacionais), WordPress (na criação de blogs educacionais, onde os alunos poderão compartilhar informações) Livemocha (como uma ferramenta de ensino de vários idiomas), entre outros sites capazes de levar interação dos alunos com os conteúdos trabalhados em sala de aula, tanto fora quanto dentro da rede escolar.
A partir de agora, os professores darão continuidade ao curso pela plataforma online, que também lhes foi apresentada. “Estamos vivendo um momento onde as TCIs (Tecnologia da Informação e Comunicação) estão presentes em todas as situações do nosso cotidiano e inseri-las na nossa prática pedagógica é de fundamental importância para que possamos estar incluídos nesse novo contexto. Agradeço imensamente ao IDES, Caia na Rede e ao MSTECH por estar proporcionando esse momento maravilhoso, que com certeza iremos colocar em prática todas as dicas e práticas aprendidas e que vamos aprender ao longo do curso”, ressaltou Mariângela Ramos Venâncio, professora de história do CEEPS - Valença.

Close